elFinder, um Gerenciador de Arquivos para o WordPress

logo do elfinder

Mais uma vez surge uma necessidade ao escrever artigos para este blog e resolvi compartilhar com vocês.

Eu uso o plugin SyntaxHighlighter Evolved para dar colorido aos códigos postados neste blog mas estava tendo um problema com o tema que estou usando. O tema coloca o atributo box-shadow no css para a tag <code> que também é usada pelo SyntaxHighlighter e dai já viu a bagunça.

A correção é simples: editar o css do SyntaxHighlighter Evolved e colocar box-shadow: none; para a tag <code>.

Até ai tudo bem. Tranquilo. Só que é uma mudança rápida e simples e eu não queria ter que abrir um programa de ftp, baixar o arquivo, alterar e enviar novamente. Para pequenas alterações em arquivos assim é bem prático ter um gerenciador de arquivos web a mão.

Na minha época do Joomla eu usava o eXtplorer, um ótimo gerenciador de arquivos escrito em PHP com frontend em ExtJS. Temos um post dedicado exclusivamente a ele:


Como explicado no post, o eXtplorer até possui um plugin para o WordPress mas ele não funciona na versão 3.3.2.

Procurando mais alternativas encontrei um plugin chamado wp-FileManagerque só de olhar o screenshot já me fez recusá-lo. Me desculpem o preconceito mas a minha experiência diz que, salvo excessões, programas com interface “tosca” como a deste plugin, não são atualizados com frequência ou é muito amador.

wp-FileManager

wp-FileManager, você instalaria?

elFinder
Despois de descartar o wp-FileManager, sem ao menos instalar ele para testar, finalmente encontrei um ótimo substituto ao eXtplorer. O elFinder inclusive possui praticamente as mesmas features do outro, que são:


  • Operações comuns em arquivos armazenados em servidores remotos (copiar, mover, upload, criar arquivo/pasta, renomear, etc)
  • Dois tipos de visualização: lista e ícones
  • Alta performance nas partes de cliente e servidor
  • Upload de múltiplos arquivos
  • Métodos padrão de agrupamento de seleção de arquivos usando mouse ou teclado
  • Menu de contexto
  • “Hot Keys” para a maioria das ações
  • Mover/Copiar arquivos usando Drag & Drop
  • Trabalho com arquivos compactados
  • Preview para a maioria dos tipos de arquivos
  • Editar arquivos de texto e redimensionar imagens
  • “Lugares” para os favoritos
  • Calculo de tamanho de diretórios
  • Criação de thumbnails para arquivos de imagens rodando em background
  • Facil integração com editores web (elRTE, CKEditor, TinyMCE)
  • Configuração de direitos de acesso flexível, tipos de arquivos permitidos para upload, interface de usuário entre outros
  • Extensível
  • API de cliente/servidor simples baseada em JSON

Instalei no WordPress 3.3.2, apesar de uma alerta dizendo que não tinha sido testado ainda para esta versão mas tudo funcionou bem. Gostei do plugin e recomendo!

Alguns Screenshots

visão de icones

Visão de Ícones

Visão de Lista

Visão de Lista

upload de arquivos

Upload de arquivos

Redimensionamento de imagens

Redimensionamento de imagens

Preview de arquivo

Preview de arquivo

Edição de arquivo de texto

Edição de arquivo de texto

Menu de contexto

Menu de contexto


O elFinder não é mais encontrado na busca de plugins dentro da administração do WordPress mas você pode baixar o zip e instalar manualmente. Instalei com sucesso na versão 3.4.2. Baixe neste link.


É isso! Espero que achem útil como eu achei.

Sobre o autor

Um desenvolvedor web veterano que está sempre a procura de novas tecnologias que facilitem o desenvolvimento de aplicativos ricos para a internet. Louco por tecnologia, games e Linux.

4 Comentários

  1. Guilherme14 de maio de 2015 at 9:51

    Olá amigo, Gostaria de saber se é possível o client fazer download de vários arquivos simultâneos, caso precise de vários seria muito irritante baixar um por um. FileZilla faria isso?

  2. josesilva1love16 de fevereiro de 2016 at 15:19

    Impedir acesso por causa do adblock não lhe trará ajuda, entenda o que os usuários querem, pois tem muitas outras formas de ganhos, não se prenda a esta forma irritante de ajuda.

    • Leonardo Lima de Vasconcellos25 de abril de 2016 at 9:38

      Aceito a crítica mas eu descordo. Eu uso adblock e é muito útil quando você navega em certos sites que usam propagandas de forma agressiva e enganosa mas no meu site eu uso apenas os anúncios do google que são “bem comportados”. No final das contas é simples adicionar o meu site ao whitelist do addblock. Se você veio até ele procurando ajuda, por que não retribuir o favor?

Deixe uma resposta